sábado, 18 de julho de 2015

LÁGRIMAS DO CÉU



LÁGRIMAS DO CÉU Autor: Nilton Bustamante Eu não saberia por mais que fossem muitos os meus dias Que precisaria da alma portuguesa Entregue pelos olhos, pelos olhares Para ver outro universo, este os dos telhados − tapetes dos céus −, Com as marcas dos tempos, o longe da história, Como se fosse possível caminhar um a um e sob os pés as casas, Casarões, subidas abraçadas a descidas, Encontros de tudo quanto acantoou-se pelo esquecimento De quem no silêncio, sem fado algum para chorar seus lamentos Esticou-se ao Tejo deixando-se ir pela correnteza Para quem sabe sem mesmo sair de lugar, partir. Lisboa nova, Lisboa velha e antiga, Em conversas do que se foi e o que está por vir, Feito rio que atravessa os tempos a lavar as almas, Como disse o poeta: “Difícil guardar um rio, ele corre dentro de nós”. Assim como um “eléctrico” carregando ao seu alto o letreiro PRAZERES, Em trilhos certos se esmerando nas curvas Chegar-se afinal ao ponto de partida. Sei que amo mesmo por inteiro esse Portugal Que trilha todo em mim, Quando não sei mais se sou salgado mar, Ou pássaro que cruza as alturas das serras verdes a rodear as flores Ouvindo “Lágrimas do Céu”, carregadas de sentidos amores. Ah, por onde fores pelas alamedas, Dos altos das vistas, Sê em mim essa vontade de viver, Essa certeza de encontrar em ti, O que eu tenho e o que perdi.
É que hoje Portugal veio-me por inteiro, em cheio,
E feito Machado de Assis, nada fiz para me salvar.


...

.

.

.
___________________________
Cantiga do Maio - Carlos Paredes
https://www.youtube.com/watch?v=9OqHXSFwA3s

obs.: Nuno Guerreiro e Natália Casanova nas vozes, Fernando Alvim na Viola e Manuel Paulo no órgão e acordeão em 1992 no Teatro São Luiz em Lisboa.
. . . ................................................. (imagem: "Telhados de Lisboa", de Luíza Caetano)


_______________________ fado: Carminho _ Lágrimas do Céu https://www.youtube.com/watch?v=-3fc5JhsCZg .

Nenhum comentário:

Postar um comentário